Artrose vertebral

A artrose vertebral é uma doença crônica e degenerativa que acomete as articulações. Ela leva ao desgaste das cartilagens dos discos intervertebrais, que são fundamentais para amortecer os movimentos da coluna. Pode também causar danos às extremidades dos ossos da região atingida.


Mais associada às áreas das mãos e joelhos e à idade avançada, nem sempre a artrose que atinge a coluna vertebral tem a atenção que merece logo nos primeiros sinais da patologia.


Também chamada de osteoartrite, a artrose é a mais comum das doenças reumáticas. Ela é responsável por 7,5% dos afastamentos de trabalho no Brasil e representa 10,5% das justificativas de auxílio-doença, segundo dados da Sociedade Brasileira de Reumatologia.


O que causa a artrose vertebral


Com o passar do tempo ocorre o desgaste dos discos que separam as vértebras da coluna e amortecem o impacto de movimentações corporais. Com os discos gastos, as vértebras ficam mais próximas umas das outras e isso pode levar à compressão dos nervos do entorno, à dor e à limitação de movimentos. A sobrecarga da coluna vertebral e, consequentemente, de suas articulações, leva à calcificação da região e caracteriza a artrose.


Exames radiográficos em quem possui artrose vertebral podem mostrar também a existência de osteófitos na região, que são os chamados bicos-de-papagaio. Isso ocorre porque, sobrecarregada com a degeneração dos discos, a coluna fica instável. Para tentar retomar a estabilidade, o organismo cria tecido ósseo em torno da área degenerada. A calcificação dessa formação óssea caracteriza o osteófito é uma das formas de manifestação da artrose.


O desgaste nas articulações é a principal causa da doença, e ele pode ocorrer devido a diversos fatores, como problemas hereditários, envelhecimento natural, má postura, movimentos repetitivos e sobrecarga, por exemplo.


Principais sintomas


Muitas vezes confundida com dor muscular, principalmente quando se trata de pacientes jovens, a artrose vertebral tem como principal sintoma a dor na coluna. Rigidez, limitação de movimentos e outros sintomas relacionados à compressão dos nervos também podem ocorrer. É o caso de dores que se irradiam para o pescoço, ombros, braços, quadris e pernas, de acordo com a área da coluna afetada.


Como diagnosticar


Para chegar ao diagnóstico de artrose, um ortopedista ou reumatologista pode fazer exames clínicos, avaliar os sintomas que o paciente relata e solicitar exames de imagem para identificar o que está causando problemas às cartilagens.


Tratamentos e prevenção


Não há tratamento que possa reverter ou retardar o processo que leva à artrose vertebral, mas medicamentos podem ser indicados para aliviar os sintomas. Em alguns casos a cirurgia é recomendada. Sessões de fisioterapia antes ou após a operação podem ser sugeridas. Exercícios fisioterápicos também auxiliam a reduzir a compressão dos nervos.


A melhor maneira de evitar que a artrose vertebral ocorra ou que cause grandes danos é a prevenção, por meio de atividades físicas, boa postura corporal e controle de peso adequado à saúde.


Veja também: artrose de joelho


Artrose também causa danos ao quadril. Saiba mais.


0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo